leitura

Ler e compreender são dois parâmetros diferentes. Ler é conseguir descodificar os sons e as palavras; Compreender é conseguir atribuir significado ao que se lê, para poder apreender a mensagem. Para tal é necessário saber o significado das palavras e das frases que se lêem.

Melhorar a compreensão leitora influencia diretamente a eficácia da aprendizagem em todos os setores da vida da pessoa, tanto a nível académico, como pessoal, social e profissional.
Existem diversos fatores que afetam a compreensão da leitura, nomeadamente, o conhecimento de vocabulário, a rapidez e a eficácia da descodificação das palavras escritas (automatização da leitura) e os conhecimentos globais sobre os temas abordados.
Como é que podemos melhorar a compreensão leitora das nossas crianças?
Tanto os professores como os pais podem ajudar as crianças a melhorar a sua compreensão leitora – Que estratégias poderão usar?
Antes de mais, devemos analisar o que distingue a forma de ler dos bons leitores, da forma de ler dos leitores com dificuldades de compreensão e é possível observar algumas competências que se podem desenvolver:

 

• Estabelecer conexões com conhecimentos prévios

Observa-se que as crianças com mais conhecimentos, com mais informação, aprendem e compreendem melhor e recordam mais conteúdos. Neste sentido, é importante que a criança relacione o que está a ler com o que já sabe, com os seus conhecimentos prévios. Devemos levá-la a fazer uma refleção sobre o tema, sobre os títulos e subtítulos, ativando, assim, alguns conhecimentos anteriores sobre o tema. Durante a própria leitura, dever-se-á ir relacionando o que se está a ler com esses conhecimentos anteriores, de modo a construir um significado coerente para o texto. Em todo este processo, os professores ou os pais devem orientar a leitura da criança, colocando questões, quer antes de iniciarem a leitura (por ex. de que falará a história, qual será o tema), quer durante a leitura (questões como – o que está a ocorrer, como poderá evoluir a história) e, no final da leitura, refletir sobre o que leram e o que perceberam da história.

 

• Monitorizar a compreensão ao longo da leitura


Verifica-se que os leitores com mais dificuldades de compreensão, não se preocupam em analisar se estão a entender o significado do que lêem e só percebem que não compreenderam no final do texto. Neste sentido, deve-se ajudar a criança a desenvolver a capacidade de verificar frequentemente se está a compreender a mensagem, para poder voltar atrás no texto, tirando dúvidas (quer de vocabulário, quer de outra natureza). Pode-se utilizar a releitura, a procura no dicionário, a procura de sinónimos, etc..

 

• Distinguir entre o essencial e o acessório


Deve-se ajudar a criança a compreender quais os dados mais importantes, ajudando-a a resumir ou esquematizar a informação, como por exemplo: personagens da história, qual o problema, qual a ordem dos acontecimentos, etc.

 

 • Fazer inferências e previsões sobre a história

Esta capacidade vai ajudar a criança a fazer uma imagem mental do que lê, aumentando o seu envolvimento na leitura uma vez que vai procurando respostas para as suas questões.

Teresa Pisco | SPO

spo leitura

 

 

 

 

Pin It